Consegui comer um cu!!!

Categoria: 

Boa noite pessoal. Quis esperar um pouco mais pra postar um conto, mas o que aconteceu comigo hoje não podia esperar. Como já descrevi no conto anterior, não consigo muitas relações sexuais por causa do tamanho do meu pau....

Bom...isso sempre me trouxe problemas e hoje não foi diferente....

Cheguei de viagem no aeroporto de Guarulhos, peguei minha bagagem e estava saindo quando fui abordado pelos seguranças.... já pensei besteira.. vão me revirar do avesso etc...

Me levaram pra uma sala reservada e tomei um chá de cadeira...sem entender porque estava lá.

Depois de um tempão vieram 3 seguranças e o chefe deles.... ou melhor... a chefa.

Era uma mulher linda, negra de 1,90cm com um corpão de mulata do carnaval... até viajei quando a vi.

Ela se apresentou etc e me disse o motivo pelo qual eu fui barrado. Pasmem... mas uma pessoa no avião estranhou o volume que eu carregava nas calças e me denunciou como contrabandista de drogas.... PQP... comecei a dar uma gargalhada muito alta e os seguranças ficaram putos comigo... tentei explicar que não estava contrabandeando nada... mas não acreditaram...

Pedi para a chefe dos seguranças nos levar pra uma sala reservada somente eu e ela pois não teria outro jeito...teria que mostrar o q era...

Ela mandou os seguranças saírem e voltar aos seus postos enquanto resolvia o problema comigo.

Assim que eles saíram ela me pôs na parede e mandou eu ficar quieto, separar as pernas e aguardar. Foi me revistando com aquela mãozona e foi chegando perto da virilha... quando ela pôs a mão no bichão ele já estava pra estourar o elástico da bermuda... Ela pôs a mão e deu um pulo pra trás perguntando o que era aquilo....

Eu já estava com segundas intenções e falei pra ela: O que você acha que é?

Ela gaguejou: na na não pode ser....

Aí eu já percebendo que ela devia ter molhado a calcinha imaginando, falei: vem conferir pra você acreditar....

Pra minha sorte ela veio, puxou bermuda, cueca e metade dos meus pentelhos pra baixo de uma vez só... quando viu o danado pra fora com seus 29cm pulsando ela colocou a mão na boca e arregalou os olhos... ficou sem falar mais nada... peguei a mão dela e pus em cima dele... Ela ficou pegando, olhando, tentando medir com o braço, mas não falou nada... dava pra ver a cara de tesão louco que ela estava.

Me pegou pelo braço e me levou até uma sala do lado que tinha um sofá grande e eu tentando andar com as calças arriadas... foi muito engraçado... entramos e ela me jogou no sofá. Abriu os botões do uniforme e saltaram os peitos mais lindos que eu já vi na vida... 2 peitões negros, durinhos, com auréolas pequenas e bicos pontudos e durissimos...ela se ajoelhou e começou a chupar a cabeçona. Ela tinha uma bocona com lábios grossos, lindos... foi tentando colocar mais pra dentro e só conseguiu ir um pouco mais além da cabeça mesmo...

Ela estava doida... não falava nada, só chupava...chupava e babava nele...

Depois de uns 5 minutos se levantou e começou a tirar o resto da roupa... falou pra mim que o marido dela tinha 23cm e ela achava pouco... e que agora ia me judiar...fiquei até receoso... mas não paramos...

Eu sentado no sofá com o pau durissimo pra cima e ela veio de frente pra sentar nele... vi o grelo dela, era grandão...tinha uns 3cm... vermelhão... deu vontade de chupar mas era ela que mandava né...rs

Ela abriu os lábios vaginais, encaixou a cabeça e foi forçando... caraca...que delícia...foi escorregando pra dentro devagar e apertado, mas sem doer...(em mim...rs... )

O que aconteceu em seguida todos sabem...essa mulher pulou na vara por uma hora...gozou até perder os sentidos... quando ficou exausta, saiu de cima e me mandou levantar...

Levantei e ela se pôs de 4 no sofá...PQP que bunda... era uma bunda gigante, lisinha, dura, redonda e enquanto eu admirava aquele rabão delicioso ela disse uma frase que me cortou o ar e me deixou o homem mais feliz do mundo...ela disse: "tenta comer meu cuzinho tenta"...

Caralho...aquilo pra mim foi o céu... ninguém nunca teve coragem de me dar a bunda.... já é dificil dar a buceta.... fui no céu... o pau parece que ficou maior ainda.... e muito mais duro...

Lambi muito aquele cu... não tinha nenhum lubrificante... ia ser doloroso....

Cuspi bastante e encaixei o cabeção nas pregas....ela falou pra ir devagar mas não parar....pra entrar de uma vez... pensei: essa mulher é louca... vai rasgar tudo e eu vou me machucar também...

Fui empurrando... essa mulher começou a chorar... perguntei se queria parar e ela disse pra ir em frente... quando a cabeça passou ela deu um grito na almofada...Mas eu não parei...fui empurrando...

Entrou metade e eu já estava dolorido... tava bom...mas meu pau estava sendo esfolado...

Dei uma.paradinha e foi quando ela deu uma forçada pra trás e entrou de uma vez faltando uns 5cm pra fora só... aí quem chorou fui eu...que dor da porra....parece que tinha arrancado a pele da rola....

Ela ficou parada um pouco e depois disse pra socar.... comecei devagar pq eu estava com dor ainda... e fui tirando e metendo devagar.... foi uma meia hora de rola no cu em marcha lenta...rs... Aí quando a dor passou.... meu pai....subi nessa cavala e soquei com vontade...cada estocada nas tripas dela ela perdia o ar... vi as veias da testa dela saltar a cada metida que eu dava....aí foi mais meia hora montado....coloquei a mão pra trás e passei na buceta, estava escorrendo no sofá....toquei naquele grelo e fazia ela chorar gozando com o poste atolado no rabo.

Já estava pra gozar e falei pra ela que ia encher o rabo dela de porra, ela não saiu...falou goza lá no fundo...

E eu gozei.... nossa...meu primeiro cu.... gozei muito.... gozei tanto que a cada jato lá dentro eu sentia escorrer pra fora..mesmo apertado do jeito que estava...foram uns 15 jatos de porra grossa.... nunca gozei tanto assim....e olha que pros padrões normais eu gozo bastante....

Bom...perdi as forças nas pernas... nem aguentava levantar.... tirei o pau de dentro... parecia um desentupidor saindo...quando saiu fez até barulho...

Olhei e vi meu pau vermelho... mas muito vermelho... e pensei... isso vai doer mais tarde...

Bom...lógico que ela me liberou, mas antes me deu o telefone pra marcarmos de novo...

E foi assim que consegui pela primeira vez comer um cuzinho.....talvez seja o único...rs

Abraços.

https://www.casadoscontos.com.br/texto/20171080