Inesquecível viagem

Categoria: 

INESQUECIVEL VIAGEM

Conheci Ângela em um grupo sobre AA uma mulher na dela super discreta mas que chama a atenção pela sua beleza e seus seios lindos uma delicia de mulher. Nunca fui de ficar elogiando muito mas cada foto que ela postava me deixava louco de vontade de poder sugar aqueles seios.

Começamos a conversar em privado quando uma amiga do grupo nos pediu para ajudar a adm. o grupo pq aceitei então conversávamos sobre minha experiência sobre AA de mais de 20 anos e nas conversas os papos mais variados de problemas e frustrações no casamento ate mesmo sexo que não podia faltar.

Depois de um tempo e mais intimidade a coisa pegou fogo ele me deixava louco de tesão por ela, ate o dia que resolvemos fazer uma chamada de vídeo onde trocamos elogios e gozamos os dois nos masturbando, queria muito aquela mulher.

< NÃO SEI SE VOU CONSEGUIR DAR SO MEU PEITO PRA VOCE>

Essa frase dela não sai de minha cabeça e assim foi.

Depois de muito tempo arrumei uma viagem para São Paulo mais e iria esticar ate o interior pois lá estava uma mulher..... morena.....cochas grosas....seios fartos lindos.....

Marquei meu compromisso para terça feira pela manha na capital, no domingo as 4 da manha embarquei no ônibus ( pois se fosse de carro não iria sozinho) 14 horas depois chego a capital paulista vou para o hotel dormir pois na segunda feira iria pegar outro ônibus para o interior as 6:30 da manha.

Segunda acordo cedo pego taxi vou ate o terminal rodoviário do tiete pego ônibus das 6:30 da manhã . Durante a viagem pensava se ela não quiser ir me ver iria ficar bravo com ela mas já estava na estrada era o pior que poderia acontecer kkk.

Desço na rodoviária as 830hs mando uma mensagem pra ela dizendo( estou na rodoviária onde encontro com você ) ela me responde (não sei se vou encontrar você)

Tudo oque eu temia era isso ela desistir mas eu já estava na cidade vou aproveitar fui ate uma padaria tomar um café e ficamos trocando mensagens ate que lhe digo que poderia nos encontrarmos apenas para conversar em algum lugar publico para não ter perigo de eu agarrar ela a força.

Ela me disse para encontrar ela numa praça e que em uma hora estaria la, como eu tinha tempo fui caminhando ate a praça e pensando como seria encontra-la. Cheguei a tal praça sem muito movimento sentei num banco onde poucas pessoas passavam e avisei-a onde estava.

Esperei por cerca de 20 minutos quando vejo ela vindo calca dens. uma blusa de alcinha com um decote comportado mas lindo com aquele sorriso encantador o coração acelerou as pernas bambearam mas ela estava ali apenas alguns passos de mim.

-ola Fernando

-olá Ângela

-achei que nunca ia acontecer de te conhecer.... me falou dando uma abraço apertado.

- nada è impossível Ângela quando se tem vontade de algo.eu queria muito conhecer vc pessoalmente.

Conversamos por algum tempo sobre a viagem e coisas da vida ate que notei ela um pouco inquieta pois já era quase 10 da manha então perguntei.

- oque ta incomodando vc Ângela , tens algum compromisso pode ir sem problemas já valeu a viagem por ter encontrado vc pessoalmente.

- to com medo de passar alguém que me conhece e pode falar pro meu marido

- tem algum outro lugar que possamos ir para não ter problemas para vc.

A final eu estava longe de casa ela quem estava se expondo e não iria eu querer prejudicar ela

- podemos dar uma volta de carro.

- sim você me mostra a cidaderespondi

Entramos no seu carro ela dirigindo eu não cansava de olhar aquela mulher estava na frente de uma rainha uma princesa ou uma boneca não dizer ao certo. Ela dirigia prestava atenção no transito e me olhava com aquele sorriso, seu olhar era um misto de timidez com desejo.

- onde vai me levar.

- ainda não sei vamos rodar um pouco.

Não me contive coloquei minha mão esquerda em sua perna ela me olha como quem diz continua e apenas ri e continua dirigindo subo minha mão ate perto da cintura fiquei de lado no banco e coloco minha mão direita em sua barriga e vou levando a mão em direção de seus seios.

-assim não vou conseguir prestar atenção no transito.

Subi minha mão ate tocar seu seio apertei o esquerdo puxando a mão ate o seio direito ela me pede.

- para, por favor, não quero bater o carro vamos pra outro lugar onde podemos ficar mais a vontade.

Ela dirigia em direção a um motel fomos conversando fui apertando suas cochas grosas ate que consegui abrir o botão de sua calca, entramos no motel ao entrar no pátio coloquei minha mão direto em seu decote e senti o bico de seu peito na palma da minha mão quente duro louco para ser chupado.

Ela entrou na garagem desci fechei a porta da garagem e fui ate o lado do carro abri a porta pequei sua mão quando ela ficou de pé não perdi tempo puxei seu corpo contra o meu sem dizer uma palavra nos beijamos um beijo louco apaixonado cheio de vontade parecia que íamos nos devorar pelo beijo, desci minha mão pelas suas costas levei ate sua bunda abri o zíper de sua calca e por dentro da calça dins. coloquei minha mão na sua bunda e pude sentir uma calcinha fio dental de renda, beijei seu rosto fui ate sua orelha dei uma mordidinha desci beijando seu pescoço ate no ombro onde baixei a alça do sua blusa na intenção de alcançar seu seio queria mamar nela ali mesmo como se fosse dois adolescentes ela segurando meu pau por sob a calça.

- ai Fernando assim você me mata de tesão vamos ficar encosta do do carro.

Subimos pro quarto abraçados trocando carinhos e loucos para nos livrarmos de nossas roupas, após fechar a porta ela estava de pé na minha frente nos beijamos enquanto eu levantava sua blusa e ela desabotoava minha camisa me abaixei e fui baixando sua calça e beijando sua barriga depois suas cochas ate os joelhos subi beijando suas pernas por trás passei a língua por cima de sua calcinha atolada em sua bunda linda e deliciosa subi beijando suas costas sentindo seu corpo todo arrepiado e ouvindo seus gemidos, abracei ela por trás e pela primeira vês toquei em seus seios que estavam com os bicos duros de tesão, não me contive ali próximo a porta suguei seus seios volumosos lindos com os bicos duros, enquanto mamava seus seios desci minha mão e passei por cima de sua calcinha senti seu calor e o quanto estava molhada.

-Ai assim vc me tortura de tanto tesão.

Ela se afastou de mim como se fosse fugir.

- só vc me provocar não pode também quero provocar.

Me falou indo em direção a cama, fui ate ela que me empurrou pra cima da cama fiquei sentado na cama ela se ajoelhou na minha frente abriu minha calca, fiquei de pé na sua frente ela baixou minha calça me encarando ela pega meu pau por cima da cueca box que uso coloca sua boca no meu pau por cima da cueca, ela colocou sua mão por dentro da cueca e tira apenas a cabeça do pau pra fora da um beijo passa a língua depois me encarando ela baixa minha cueca com a cabeça do pau na boca e começa a chupar hummmmmm uma delicia sua boca macia no meu pau duro louco por ela, chupava muito gostoso lambia desde do saco ate a cabeça do pau enquanto chupava ela me encarava me fazendo arrepiar todo.

Deitei ela na cama beijei sua boca e desci beijando seu pescoço parei em seus seios chupei alternado um e outro muito gostoso seus seios com bicos pontudos continuei beijando sua barriga cheguei a sua cochas e vim beijar sua virilha passei a língua de um lado depois na outra virilha sentindo seu corpo estremecer então passei a língua em sua buceta que já estava toda melada deliciosa com seu liquido então coloquei suas pernas no meu ombro para poder lamber e chupar ela toda lambia chupava metia a língua dentro dela queria foder sua buceta com a língua de tão gostosa que estava ela se contorcia toda arrepiada.

- me chupa seu gostoso que língua deliciosa na minha buceta ela está pegando fogo de tesão.

eu chupava sua buceta como se fosse a ultima que iria ver queria sentir ela gozando na minha boca passava a língua desde sua bunda ate na buceta sentia seu grelo rígido o corpo todo arrepiado quando passei a língua em cusinho vindo a colocar dentro de sua buceta ela anuncio o gozo.

- vou gozar vc vai me matar de tesão eu vou gozar quero gozar na sua boca.

Ela gozou muito deixando minha boca cheia com seus fluidos o qual não deixei nada se perder pois não parei de chupar aquela buceta gozada e muito gostosa.

- me beija quero sentir meu gosto na sua boca seu safado me fez gozar na sua boca vc é muito tarado seu gostoso.

- só quero ver o seu prazer minha linda flor morena se depender de mim hoje vc se acaba de tanto gozar sua tesuda gostosa.

- mas eu quero ver vc explodir pra mim também me da esse pau gostoso quero chupar vc todinho delicia.

Deitei ao seu lado beijando sua boca ela me empurrou pro lado sentou sobre mim e foi beijando minha boca desceu pelo pescoço a barrinha chegou ate meu pau eu estava explodindo de tesão beijava a cabeça depois colocava todo na boca tentava engolir o máximo que podia chupava minhas bolas lambia toda a extensão do pau. Eu tocava seus seios apertava os bicos ela chupava e dava gemidos de tesão puxei ela pra cima de mim e ficamos num 69 maravilhoso ela toda molhada eu sugando sua buceta ela esfregava na minha boca eu colocava minha língua dentro lambia seu cusinho oque fazia ela estremecer não demorou ela gozou novamente me encharcando com seu fluido vaginal uma delicia sentir aquela femea jogando seu prazer na minha cara literalmente ela foi esfregando sua buceta gozada por todo meu corpo de costas pra mim ela levantou o corpo e encaixou meu pau na sua buceta estava tao quente que tive eu me controlar muito pra não gozar nas primeiras vezes que ela quicou sobre meu pau.

- que delicia de pau duro entrando na minha buceta ela está pegando fogo de vontade de receber vc dentro dela deixa eu goza e sentar mais nele antes de vc me encher de leite vai.

Ela se vira de frente pra mim sem desencaixa meu pau da sua buceta de frente pra mim ela me oferece seus seios eu mamo eles como um bebe chupo os bicos duros passo a língua nas aréolas e volto a sugar os seios alternado um e outro.

- assim eu não aquento de tesão quero gozar no seu pau deixa eu melar seu pau com meu gozo seu safado me fez gozar de novo que delicia esse pau na minha buceta aiiiiiiiii eu to gozando seu safado.

Ela deixou meu pau todo molhado de gozar e deitou ao meu lado fiquei ao seu lado fui virando ela de bruços na cama e coloquei de 4 na beirada da cama onde novamente introduzi meu pau na sua buceta vendo ela de costas pra mim socava fundo apertando seus seios que estavam duros.

- fode vai mete fundo em mim coloca tudo dentro de mim vai aiii delicia soca vai bem no fundo quero gozar nesse pau gostoso soca vai.

Eu puxava seu cabelo dava tapas na sua bunda ela rebolava cada vês mais gostoso eu socava com força naquela buceta molhada já não aquentava mais de vontade de gozar nela.

- não aguento mais de tesão sua delicia.

- vai me enche de leite vai soca bem no fundo goza tezao bem la dentro da minha buceta.

Não me contive gozei gostoso dentro daquela femea quente e toda molhada de desejo.

Caímos exaustos na cama onde ficamos abraçados trocando carinhos.

Depois levantei coloquei agua na banheira e fomos para um hidromassagem onde deite no seu colo e fiquei mamando seus seios após fazermos amor mais uma vez na banheira pedimos uma refeição e passamos a tarde toda namorando e fazendo amor no inicio da noite ela me deixou na rodoviária voltei pra capital ela segui para sua casa mas nunca esquecerei essa inesquecível viagem.

https://www.casadoscontos.com.br/texto/201709120