A Segunda vez com minha morena #2

Categoria: 

Logo depois do beijo magnifico dela eu a carreguei e a joguei na cama, soltei meu corpo sobre ela e comecei a beijar e morder seu pescoço, passei de seu pescoço para seu queixo e do seu queixo subi até sua boca lhe dando mais um beijo de lingua quente e delicioso, desci a minha boca até perto de seus peitos lindos, passei minhas mãos pelas costas dela até chegar em seu sutiã que eu desabotoei e tirei para poder usar aqueles peitos que estavam a minha frente, comecei passando a lingua pelo bico de um dos peitos enquando apertava o outro com a mão, então comecei a morder o bico dela que tava durinnho e fiquei apertando o outro bico com a mão.

Com a outra mão que estava livre eu fui até a calcinha dela e encontrei uma bucetinha molhada que esperava suculenta por um pau, então comecei a masturbar ela com 2 dedos e a vi se torcer de um jeito muito prazeroso, passei a lingua do peito dela atravessando pela barriga até chegar na calcinha dela. Então tirei a calcinha dela com força pra sair toda e então começo a chupar aquela buceta que saia uma cachoeira, chupei e masturbei ela até ela jorrar em minha boca e então eu tirei minha cueca e a coloquei de quatro.

E coloquei com força meu pau que já tava duro esperando pela buceta dela tirando e colocando com mais força e velocidade enquanto ela gemia e gritava, então eu comecei a dizer: fale que você é minha puta e então ela respondeu: Eu sou sua puta e você é meu senhor. Com isso eu não aguentei e comecei a dar tapas nela e a chamar ela de minha puta colocando mais ee mais forte nela para ouvir os frequentes gemidos e gritos dela, enquanto eu metia com força comecei a puxar o cabelo dela e a dar tapas em sua bunda e em suas costas enquanto ela gemia mais alto o que me deixava mais e mais louco até que eu senti que ela estava gozando no meu pau então eu não aguentei e gozei com tudo na buceta dela até que ela caiu e eu tive uma ideia maravilhosa.

Eu empinei a bunda dela e coloquei o meu pau na entrada do cu dela e ela começou a reclamar, dizendo: não, não ai não por favor. e eu disse: eu sei que você quer sua cachorra. Ela estava se debatendo, o que fez eu ter um trabalho pra colocar, e então eu puxei com força o cabelo dela e dei um tapa na bunda dela e a puxei com força até mim e fui colocando a cabecinha e eu ouvi os gritinhos que ela estava tentando abafar dando mordidas nos proprios lábios, eu fui colocando a cabecinha até em que eu consegui por o resto sem maior reclamação dela, e então ela foi gostando então eu meti um pouco mais rápido e ela falou: vai amor, fode essa sua cadela. então eu meti mais uma vez e ai eu gozei dentro do cuzinho dela e cai por cima dela.

https://www.casadoscontos.com.br/texto/201712581